11 4551.1128 | 11 9 9567.9430 ou 11 9 8433.4484 mkt@agenciadb.com

Muitas pessoas nos contatam com a pergunta chave: Como faço para melhorar meu blog e transformá-lo em algo rentável? 

blogPara um blog começar a ser rentável, é preciso ter comprovadamente muitas visualizações; a partir disso, procurar por anunciantes para os assuntos que você aborda, mostrando esses números (comprovando as visualizações). É um processo semelhante à busca de patrocínio.

Para que isso aconteça, é pertinente que você tenha conteúdo que promova algo de valor para quem lê – ou seja, artigos que acrescentem, somem conhecimento, pois as pessoas leem cada vez menos.

Para uma empresa anunciar no seu blog, você precisa demonstrar que tem um trabalho consistente e duradouro – que não vai fechar, desistir dele a qualquer momento. E é importante que o projeto para seu blog seja a longo prazo e tenha algum tempo de existência – blogs novos e com pouco conteúdo podem não convencer os possíveis anunciantes do potencial do seu espaço.

No início, você pode se dedicar à monetização com programas afiliados (abaixo info sobre o adWords), aprender o potencial de retorno do seu trabalho e consolidar-se em seu nicho. Isso pode levar um tempo – em torno de um ou dois anos.

É preciso ter bem definido os espaços disponíveis em seu blog para anúncios e o seu layout tem que ter qualidade gráfica/visual e ser de fácil usabilidade. Se você quer ganhar dinheiro com seu blog, seja com anunciantes diretos, programas afiliados ou mesmo produtos/serviços próprios, é preciso investir na melhor organização dele.

Dentro desse contexto, um ponto importante é a plataforma – abaixo tem explicação sobre isso -, pois seu blog precisa parecer o mais profissional e sério possível e isso passa pela plataforma usada.

Você também precisa criar uma forma de mostrar que seu blog está disponível para negociações diretas com anunciantes e agências e isso se faz através de uma página de Mídia Kit, onde disponibiliza os preços para quem quiser colocar um banner no seu blog ou para quem deseja que você escreva sobre a empresa durante uma ou duas vezes por mês, coisas assim – que você pode inovar de acordo com sua criatividade e oferecer.

blog-rentávelO programa afiliado do worpress é o AdWords e você tem que criar lá uma conta (https://wordads.co/); ele permite colocar anúncios ligados ao Google (semelhante ao AdSense) – lembrando que isso só é possível na plataforma .ORG do wordpress (os anúncios que aparecem eventualmente na plataforma .COM convertem faturamento para o próprio WordPress).

Você também tem que ter uma conta no Paypal para receber eventuais pagamentos. Nesse sistema de anúncios, você ganha quando a pessoa que está no seu blog clica no anúncio. Os ganhos não costumam ser muitos, mas é uma das alternativas. Há requisitos para a aprovação, então você se cadastra e aguarda o contato deles.


SOBRE AS PLATAFORMAS WORDPRESS

O WordPress tem duas plataformas: o WordPress.ORG e o WordPress.COM – que tem serviços completamente diferentes um do outro e confunde muita gente.

Normalmente, começa-se pela plataforma gratuita – .COM.

Nela, você pode comprar, através deles, um domínio .com ao preço de U$ 18,00 (dólares/ano). Esse valor se refere ao pagamento do domínio (valor que você pagará todo ano) e ao uso do DNS deles para o domínio – que exibe o seu endereço na web. Mas eles te limitam no visual – você só pode usar os temas deles ou os que eles vendem – e também em outros recursos que tornam o blog profissional, pois a plataforma grátis não permite a utilização de CSS, Java, não tem FTP, emails, plugins.

A plataforma gratuita serve mais para as pessoas que querem escrever despretensiosamente, pois não se precisa investir nada para manter o blog (exceto se quiser o domínio), tem o blog hospedado num servidor gratuito e estável e não demanda conhecimento técnico do autor.

Já a plataforma .ORG, possui recursos profissionais que qualificam seu blog. Mas ela também demanda o custo da contratação  de uma hospedagem – cujos preços variam de 19,00 a valores indefinidos por mês (nós temos um convênio com um provedor americano, onde obtemos para nossos clientes o preço de R$ 10,00/mês (pacote de 120,00/ano pagos de uma única vez), que funciona perfeitamente bem – e que permite que um blog tenha um visual mais profissional por conta da possibilidade de personalização/criação/instalação de temas independentes e plugins, além de acesso por ftp – que é o canal que permite o armazenamento e acesso de todos os dados do seu blog, como banco de dados, imagens, etc. -, e oferece e-mails do domínio (até 100 emails).

Por dentro, para o uso diário, as plataformas são equivalentes – para postagens. Mas com muitos outros recursos, como  criar galerias de fotos ao invés de uma foto embaixo da outra, ter uma minibiografia de quem escreve, uma melhor disposição das categorias, publicação direta no Twitter, Google+ e Facebook, etc.


NA PLATAFORMA BLOGGER

Essa plataforma oferece poucos recursos – temas, plugins e integração com redes sociais. Mas ela é do Google e para melhor aproveitamento de suas visualizações, é interessante ter um perfil no Google+. Dentro do próprio painel do Blogger, você consegue linkar sua conta e também tem acesso ao painel para se cadastrar para o AdSense – que coloca anúncios no seu blog.

Mas ela oferece a chance de ter seu domínio hospedado gratuitamente, pois disponibiliza os DNS do Google para uso – apenas para exibição do domínio, sem emails e outras funcionalidades.


Uma outra alternativa para tentar obter lucro é gravando videos e hospedando no Youtube, em seu próprio canal. Se você tem boas visualizações no blog, pode tentar esse caminho também – falar o que você escreve, hospedar no seu canal e linkar o blog pra lá.

Você também pode fazer campanhas de e-mail marketing para o seu blog – por e-mail ou impulsionando seus posts e páginas no Facebook ou Instagram. Aliás, essa é outra dica: não é preciso que seu blog esteja em todas as redes sociais, pois isso demanda muito trabalho (se você tiver tempo, ok). Mas tente buscar a rede social que melhor se encaixa ao que você escreve e invista tempo – e até dinheiro – nesse canal de publicidade.

Você também pode vender coisas no seu blog – livros, produtos, coisas que faz. Nesse caso, é pertinente que você use um layout que comporte loja online, para que todo o processo seja facilitado para pagamentos e taxas de entrega/Correios automaticamente, por exemplo. Pertinente também ter conta, além do Paypal, no Pagseguro, facilitando ao máximo para seu leitor/cliente.

Lembrando ainda que para registar um domínio .com.br você deve usar o Registro.br – ao custo de R$ 40,00/ano; já os domínios .com devem ser comprados em empresas que possuem certificação para registro de domínios internacionais e custam em torno de U$ 18,00/ano.

Com essas dicas – e mais as estratégias que você inventar -, é possível incrementar o orçamento ou até viver de blog.

Se precisar de outras informações ou ajuda para transformar o layout do seu blog ou site, fale conosco.

Boa sorte!!! 😉